A Guerra dos Antepassados

Capítulo 1.6 . The War of The Ancients

O imprudente uso de magia pelos Highborne produziu ondulações de energia que espiralaram do Well of Eternity até o Grande Vazio. O fluxo de ondulações foi sentido por terríveis mentes alienígenas. Sargeras – O Inimigo de toda a Vida, O Destruidor de Mundos – sentiu as poderosas ondas e foi atraído ao seu distante ponto de origem. Observando o mundo primitivo de Azeroth e atiçado pela ilimitada energia do Well, Sargeras foi consumido por uma sede insaciável. O assombroso deus do inominável vazio decidiu então destruir este incipiente mundo e tomar suas energias para si próprio.

Sargeras reuniu sua enorme Burning Legion e rumou em direção ao inocente mundo de Azeroth. A Legião era composta de milhões de demônios, vindos dos mais longínquos cantos do Universo, famintos por conquistas. Os Generais de Sargeras, Archimonde – The Defiler e Mannoroth – The Destructor, prepararam seus servos infernais para o ataque.

A Rainha Azshara, insandecida pelo terrível êxtase de sua magia, caiu vítima do imenso poder de Sargeras e concordou em permitir sua entrada em Azeroth. Até mesmo os súditos Highborne foram corrompidos inevitavelmente pela magia e começaram a considerar Sargeras como seu Deus. Para provar sua lealdade à Legion, os Highborne ajudaram sua Rainha a abrir um imenso portal nas profundezas do Well of Eternity.

Assim que finalizaram os preparativos, Sargeras iniciou sua catastrófica invasão à Azeroth. Os demônios-guerreiros da Burning Legion irromperam ao mundo através do Well of Eternity e cercaram as cidades night elves. Liderados por Archimonde e Mannoroth, a Legião se espalhou pelas terras de Kalimdor, deixando apenas cinza e sofrimento. Os demônios warlocks invocaram infernais de lava que irrompiam dos céus como meteoros, nos elegantes pináculos dos templos de Kalimdor. Uma tropa de assassinos sanguinários conhecidos como a Doomguard marchou pelos campos de Kalimdor, chacinando todos em seu caminho. Bandos de selvagens e demoníacos felhounds devastaram os campos, sem resistência. Apesar dos bravos guerreiros Kaldorei terem se engajado na defesa de sua terra natal, eles foram caindo, metro a metro, diante da furiosa investida da Burning Legion.

Isso fez com que Malfurion Stormrage buscasse ajuda entre os seus. Seu próprio irmão, Illidan, praticante da magia Highborne, havia sido influenciado pela crescente corrupção que se espalhava pela classe superior. Convencendo-o a abandonar sua perigosa obsessão, Malfurion partiu para encontrar Cenarius e formar uma força de resistência. A bela e jovem sacerdotisa Tyrande concordou em acompanhar os irmãos em nome de Elune. Apesar de Malfurion e Illidan amarem igualmente a sacerdotisa, o coração de Tyrande pertencia apenas à Malfurion. Illidan se ressentia com o romance que despertava entre seu irmão e Tyrande, mas sabia que sua mágoa não era nada, comparada ao sofrimento de seu vício pela magia.

Illidan, que havia crescido sob a dependência das energias místicas, lutou para manter o controle de sua quase sufocante obsessão pelo uso das energias do Well mais uma vez. Contudo, com o apoio paciente de Tyrande, ele foi capaz de reprimir seu desejo e ajudar seu irmão a encontrar o recluso semi-deus, Cenarius. Este, que habitava as sagradas clareiras do distante Monte Hyjal, concordou em ajudar os night elves a encontrar os antigos dragões e obter sua ajuda. Os dragões, liderados pela grande e vermelha leviathan, Alexstrasza, usaram suas poderosas asas no combate aos demônios e seus mestres infernais.

Cenarius, convocando os espíritos das florestas encantadas, agrupou um exército de antigos homens-árvore e liderou-os contra a Legião em um ousado ataque terrestre. Com os aliados dos night elves rumando em direção ao Templo de Azshara e ao Well of Eternity, a guerra irrompeu por completo. Apesar da força de seus novos aliados, Malfurion e seus companheiros entenderam que a Legião não poderia ser destruída apenas pela força física.

Com a batalha titânica irrompendo ao redor da capital de Azshara, a delirante Rainha esperava ansiosa pela chegada de Sargeras. O Senhor da Legião preparava sua passagem pelo Well of Eternity, adentrando o mundo devastado. Com sua inacreditável e imensa sombra drenando tudo ao redor da superfície do Well, Azshara convocou o mais poderoso de seus seguidores Highborne, pois somente unindo suas forças em um único e concentrado feitiço eles poderiam criar um portal grande o suficiente para a entrada de Sargeras.

Com a batalha acirrada ao longo dos incendiados campos de Kalimdor, uma terrível sucessão de eventos se iniciou. Os detalhes desses eventos se perderam no tempo, mas é sabido que Neltharion, o Dragão elemental da terra, enlouqueceu durante uma batalha crítica contra a Burning Legion. Sua pele de couro negro se despedaçou em chama e fúria, e renomeando a si mesmo de Deathwing, o dragão flamejante expulsou os outros cinco Dragões do campo de batalha.

A súbita traição de Deathwing foi tão destrutiva que os cinco dragões nunca se recuperaram realmente. Feridos e em choque, Alexstrasza e os outros nobres dragões foram forçados a abandonar seus aliados mortais. Malfurion e seus companheiros, agora desesperançosamente em menor número, mal sobreviveram ao ataque seguinte.

Malfurion, convencido de que o Well of Eternity era o cordão umbilical entre o mundo físico e os demônios, insistia para que ele fosse destruído. Seus companheiros, sabendo que a fonte provia sua imortalidade e poder, ficaram horrorizados com a precipitada idéia. Até que Tyrande conseguiu enxergar a sábia teoria de Malfurion, então convenceu Cenarius e seus companheiros a invadir o Templo de Azshara e encontrar um meio de destruir a fonte.

Próximo Capítulo: A Destruição do Mundo

Wow Lore

Tradução: Éric Coutinho

.

Clique pra curtir a página no Facebook

Comenta aí embaixo pra compartilhar no Facebook!

You may also like...

3 Responses

  1. Lucas says:

    Que show,cara!

    Ótimo guia,bem traduzido e mesmo não sendo extremamente longo,conseguiu contar a história por completa(até agora)! Nota dez!

    Mas ta aí uma coisa que eu não sabia,o Deathwing(ou Neltharion) foi corrompido pela Burning Legion. Eu pensei que ele simplesmente ficou malvado por ciúmes dos outros Aspects ou coisa assim.

    • Ericz says:

      Legal, eu já tenho todos traduzidos, são 41 posts.
      Só que quando mudei de endereço e layout tirei tudo e agora tô configurando aos poucos pra postar.

      Esse Lore básico dá pra ter uma idéia geral de muita coisa.

    • Maka Albarn says:

      Verdade, realmente ficou excelente! Eu nem sabia da história do DeathWing, agora que sei, o WoW Cataclysm faz mais sentido.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *