A Batalha de Grim Batol

Capítulo 4.6 . The Battle of Grim Batol

Warcraft Lore . Alliance and Horde: The Battle of Grim Batol

Enquanto isso, nas terras em guerra ao sul, os derrotados remanescentes da Horda lutavam pela própria sobrevivência. Ao passo que Grom Hellscream e seu Warsong clan tentavam fugir à captura, Deadeye e seu Bleeding Hollow clan foram apanhados e levados ao campo de Lordaeron. À despeito dessas custosas revoltas, os wardens dos campos acabavam retomando o controle de seus cruéis encargos.

Contudo, sem que a Aliança tomasse conhecimento, uma enorme quantidade de Orcs andavam livres nas ruínas do norte de Khaz Modan. O Dragonmaw clan, liderado pelo infame Warlock Nekros, usava um antigo artefato conhecido como Demon Soul para controlar a Dragonqueen Alexstrasza. Com o dragão como refém, Nekros construiu um exército secreto no abandonado e destruído forte de Wildhammer em Grim Batol. Planejando liderar suas forças e os poderosos dragões vermelhos contra a Aliança, Nekros esperava reunificar a Horda e continuar a conquista de Azeroth. Sua visão não aconteceria, já que um pequeno grupo de guerreiros, liderados pelo mago humano Rhonin, conseguiu destruir a Demon Soul e libertar os dragões do controle de Nekro.

Em sua fúria, os dragões de Alexstrasza sobrevoaram Grim Batol e incineraram a maior parte do Dragonmaw clan. O grande plano de reunificação de Nekro acabou de vez quando as tropas aliadas encontraram os Orcs sobreviventes e os trancaram nos campos de concentração. A derrota do Dragonmaw clan sinalizava o fim da Horda, e da furiosa sede de sangue dos Orcs.

Próximo Capítulo: A Letargia dos Orcs

Wow Lore

Tradução: Éric Coutinho

.

Clique pra curtir a página no Facebook

Comenta aí embaixo pra compartilhar no Facebook!

You may also like...

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *