5 diferenças do Classic para o Wow atual

Mudanças desde o Wow Classic ao atual

É claro que não foram apenas 5 mudanças que ocorreram do Wow Classic pra cá, foram inúmeras! Mas destacamos aqui algumas delas, que mudaram de forma radical a experiência de jogar World of Warcraft.

Procuramos deixar de lado (ao menos por enquanto) questões um pouco mais subjetivas, como a maior dificuldade em lidar com mobs, com mana e reagentes, que tornavam a experiência no Wow Vanilla muito mais imersiva do que a atual.

1 LFG – Looking For Group

LFG - Looking for Group - World of Warcraft

Na expansão The Wrath of The Lich King, foi inserida a ferramenta de grupos para Dungeons, enquanto que no Cataclysm foi ampliada para as Raids.

Como já dito sobre a polêmica recente do addon LFG para o Classic, a ferramenta trouxe benefícios e facilidades, mas removeu outras boas características do jogo, relacionadas à imersão e ao espírito de comunidade.

2 Raids flexíveis

Raids Flexíveis - World of Warcraft

No Classic, as Raids eram formadas por 25 e até 40 players. E mesmo a partir de The Burning Crusade, quando surgiram as raides para 10 jogadores, era necessário ter o número exato em seu grupo para iniciar a raid.

Mas a partir de Mists of Pandaria surgiram as raids flexíveis, onde um grupo de 10 pode começar uma raid e mais tarde adicionar outros players, elevando o nível de dificuldade de acordo.

Assim é muito mais fácil formar raids, mas quantas conversas legais foram travadas naquelas longas esperas daquele último player para entrar?

3 Cross-Realm

Cross-realm - World of Warcraft

O cross-realm começou ainda no Vanilla, mas apenas para os Battlegrounds. Passou a funcionar de outras formas somente a partir do Cataclysm.

O cross-realm interliga alguns servers (ou realms), fazendo com que, por exemplo, um grupo de Dungeon possa ser formado por jogadores de servidores diferentes. Esses servidores também compartilham a Auction House (Casa de Leilões).

Funciona muito bem como um tapa-buracos para o declínio na base de jogadores, mas não faz muito sentido em outros aspectos, por exemplo, você nunca poderá convidar aquele cara legal que fez uma masmorra com você pra sua guilda.

4 Dupla Especialização de Talentos

Dupla Especialização de Talentos - World of Warcraft

Essa é pra mim mais difícil de definir como uma mudança ruim. Em teoria não foi! Desde WOTLK, você pode ter, por exemplo, uma especialização como Healer e outra como DPS, por exemplo. E a alteração entre elas é bem prática.

Antes do Dual Talent Specs, se você era um Tanker e seu grupo precisava de um DPS, você deveria ir a uma cidade principal, resetar sua spec e talentos, escolhendo-os novamente em sua nova spec.

Era assim, para que a escolha de personagem, classe e role fosse levada mais a sério, pensada como definitiva. Por isso, a cada vez que você resetava a sua spec, a taxa referente ia aumentando indefinidamente, até quase impossibilitar uma nova mudança.

5 Novo Sistema de Talentos

Antigo Sistema de Talentos - World of Warcraft

Na expansão Mists of Pandaria o sistema de talentos foi remodelado totalmente, trazendo uma forma bastante simplificada. Ao invés das árvores de talentos já conhecidas até mesmo em outros jogos, o sistema passou a ter 3 talentos para a escolha de 1, em determinados níveis de personagem.

Particularmente não gostei da mudança. Um monte de talentos sumiram do Wow, enquanto outros são simplesmente conquistados automaticamente com a mudança de level.

Clique pra curtir a página no Facebook

O que você pensa a respeito de tais mudanças?

Comenta aí embaixo pra compartilhar no Facebook!

You may also like...

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *